sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Outback Experience - Floripa



Eu já tinha ouvido falar do Outback várias vezes. É bem famoso, aliás. E a minha primeira vez foi aqui em Floripa, no shopping Beira Mar. Como o concorrente em Uberlândia não foi lá essas coisas - só fui uma vez no Capital e não voltei mais - nós, eu e o Gabriel, não estávamos com muita expectativa, porém, uma certa curiosidade. E eles se superaram tanto que nós até voltamos na mesma semana!

Três detalhes logo na entrada já me fizeram perceber que era uma estrutura muito bem elaborada. Primeiro a fila enorme - como sempre esqueci de fazer reserva. Porém, embora pareça estranho eu citar a fila como ponto positivo, eu o acho, já que significa que muita gente gosta de lá a ponto de achar que vale a pena esperar pra entrar, mesmo estando numa região repleta de outros restaurantes. Logo na fila, avistei também um cartaz com um recado sobre a falta de um dos pratos principais da casa, justificando que buscavam manter o padrão de qualidade. Pode parecer um detalhe simples, mas como administradora eu considero uma atitude de marketing e tanto, já que demonstrou respeito ao cliente e evita que ele chegue lá dentro do restaurante e fique insatisfeito na hora pedir aquele prato. Mas eu nem achei ruim a falta do prato porque era à base de cebola e eu não gosto de cebola, haha. E o terceiro ponto foi que enquanto aguardávamos na sala de espera, em sofás bem confortáveis, uma moça vinha de tempos em tempos oferecendo porçõezinhas de vários pratos e de graça gente. Outra ideia incrível! Pois, além de fazer o tempo passar mais rápido ainda faz uma degustacão de um prato novo que o cliente pode acabar pedindo a porção cheia. Tinha Frozen de limão com toque de tequila, Ceasar Salad e Chicken on the Barbie (tiras de frango com molho barbecue). E nesse tempo já pedimos nossas bebidas refil e olhamos o cardápio.

Lá dentro o garçon já pergunta se você conhece a casa. Se não conhece, como era nossa caso, ele se senta na mesa ou agacha na sua altura, fala sobre o restaurante e te indica os pratos principais. Super atenção mesmo. Optamos pelo prato The Porterhouse, que é um delicioso T-bone Steak preparado no ponto de nossa escolha. Assim como no EUA eles trabalham com 5 níveis de ponto, eu gosto do 4 (pronto pra bem passado). Embora eu achei que a carne veio no nível 3 (ao ponto), tudo bem, estava uma delícia. O prato tinha direito a um acompanhamento e eu fui com uma batata recheada chamada de Jacket Potato, que também estava bem boa. Escolhemos esse prato porque o Gabriel adora T-bone e porque como era uma das maiores carnes dava tranquiliamente pra dividir entre dois, afinal eu sempre como menos que o Gabriel, logo não compensa eu pedir um prato sozinha. E embora ele tenha demorado a chegar, o legal é que eles oferecem um pão australiano com manteiga gratuito, outro ponto a favor, enquanto esperamos o prato. A sobremesa eu sempre vou no chocolate, rs. Por isso, pedi um brownie com sorvete e chantily cujo nome é Chocolate Thunder from Down Under. Adorei, e nem tem como não gostar, rs. Estilo americano inspirado no australiano, aprovado!




Na saída o garçon nos deu o cupom fiscal com um site que pudíamos entrar, responder uma pesquisa pra ganhar um vale aperitivo em nossa próxima visita. Já estávamos querendo voltar, então, na mesma semana voltamos no horário do Happy Hour, que tem um cardápio especial e bebida alcóolica em dobro. A gente foi de Quesadillas de Carne e um dos carros-chefe da casa Billy Ribs (costelinha com barbecue e batata frita). E eu experimentei as Caiprinhas Dream e Frutas Vermelhas. O legal era que eu comprava uma de um sabor e a segunda pudia trocar o sabor. E no final ganhamos um cupom que vale mais uma porção de Billy Ribs de segunda a quarta!! êêê As promoções deles são o máximo!








Curiosidade: Na hora que servem o chop ou refil do refri, os garçons tem mania de dizer "Saúde!" que vem do "Cheers" e tem o mesmo sentido que "tim tim". Legal, né? Eu só morri de rir do Gabriel que disse que custou a segurar o "Amém!", kkkkkkk

Resumindo: o atendimento é nota 10; quanto ao tempo de espera foi um pouquinho tenso no primeiro dia, mas na segunda vez foi tranquilo, então depende do prato e do dia, e mesmo assim eles amenizam com as distrações; a comida em si estava muito boa e o preço é um pouco mais alto, só que compensa! O melhor jeito de definir se gostou ou não é respondendo a pergunta: Voltaria? E bem, essa eu nem preciso responder, afinal, já voltei na mesma semana e voltaria outras vezes, ainda mais com esse tanto de cupons que ganhei!! haha




xoxo,
Dressa

Um comentário:

  1. Realmente é muito bom este restaurante !!

    ResponderExcluir

Meninas, o que acharam?!
Thank you!
xoxo
Dressa